Sunday, July 13, 2008

PLAYTIME DE JACQUES TATI NO CINE-TEATRO DE ALCOBAÇA - ABSOLUTAMENTE IMPERDÍVEL!

CICLOS DE CINEMA 2008
MODERNOS SÃO OS CLÁSSICOS
JACQUES TATI: PLAYTIME NO CINE-TEATRO DE ALCOBAÇA
PLAYTIME / 15 DE JULHO / 14h 30 e 21h 30
Jacques Tati não só conseguiu inscrever o seu nome na História do Cinema como o fez em apenas seis filmes. Durante este mês, o ciclo MODERNOS SÃO OS CLÁSSICOS apresenta mais um deles, após ter devolvido parte da obra deste cineasta francês à sala de cinema, em cópia restaurada de 35 mm, no Grande Auditório do CINE-TEATRO DE ALCOBAÇA. Na próxima terça-feira, 15 DE JULHO teremos então uma das mais aclamadas obras deste mestre francês: PLAYTIME, filme de 1967 onde Jacques Tati torna a dar vida e a interpretar o papel de Mr. Hulot. O filme será apresentado na sequência do ciclo dedicado ao actor e realizador gaulês em duas sessões diárias (pelas 14h 30 e 21h 30) no Grande Auditório do CINE-TEATRO DE ALCOBAÇA, sendo a última obra no contexto do programa dedicado ao cineasta francês apresentada pelos MODERNOS SÃO OS CLÁSSICOS que em Agosto, devido à pausa de Verão daquele espaço, descansa para férias. Realizador, argumentista e protagonista da maioria dos seus próprios trabalhos (a criação do alter-ego Monsieur Hulot é uma das mais míticas a par de Charlot por Chaplin), Tati foi um comediante que não deixou de usar a Sétima Arte como forma de expressão maior no domínio da sátira social. Fê-lo através do riso e para entretenimento do público, atingindo um rigor e uma sofisticação conceptual ainda hoje raras. A crítica aos excessos da "modernidade" tão comuns na sua obra (nomeadamente no campo do design e da arquitectura moderna cujas regras totalitárias iam alastrando durante a sua época) tornou-se, no fundo, uma dos maiores manifestos de modernismo cinematográfico. Jacques Tati não é a descoberta de um mero "clássico" do cinema, mas antes a visão de uma clássica condição humana. E isso sempre foi "moderno". MODERNOS SÃO OS CLÁSSICOS é um ciclo de reposições a decorrer no Grande Auditório do Cine-Teatro de Alcobaça durante o ano inteiro de 2008 e com uma sessão mensal dedicada a alguns dos maiores clássicos da história do cinema. Empenhado em evocar a obra dos mais importantes nomes da Sétima Arte, esta organização tenta contrariar a ideia da modernidade como uma mera "condição do presente" rigidamente centrada nos códigos de produção actual (isto quando sabemos que o verdadeiro cinema moderno nasceu há várias décadas atrás), mostrando-o através de cineastas incontornáveis como Charles Chaplin, Jacques Tati, Federico Fellini, Alfred Hitchcock, entre outros.
Faça o download do programa Jacques Tati aqui:
http://www.sendspace.com/file/w8dcvt
Veja o trailer de "O Meu Tio" aqui:
http://www.youtube.com/watch?v=LGv3FrXITol
É o nosso filme preferido de Tati... Absolutamente imperdível!

1 comment:

AT said...

http://dererummundi.blogspot.com/2008/07/grandes-erros-maior-metamorfose-de.html