Friday, November 16, 2007

PETIÇÃO CONTRA TAXA (COMERCIALMENTE ABUSIVA) DE UTILIZAÇÃO DO MULTIBANCO

Um nosso bom amigo avisou-nos de que os bancos portugueses se preparam para passar a cobrar 1,50€ (300 escudos na moeda antiga) por cada levantamento nas caixas ATM. Trata-se muito claramente de uma taxa comercialmente abusiva e de autêntico roubo a quem utiliza esse modo de trabalhar com os bancos, proporcionando aos mesmos a necessidade de menos trabalho, menos funcionários e menos despesa! Esse "imposto" encapotado aumenta exponencialmente lucros que continuam a subir, na razão directa da perda de poder de compra dos portugueses. Este é um assunto que interessa a todos, excluindo os banqueiros e os grandes financeiros mundiais que na União Europeia ditam as leis. Quem quiser, poderá assinar a petição que corre presentemente, protestando contra esse nvo abuso, e reencaminhá-la a mensagem para o maior número de pessoas conhecidas possível. O endereço daquela petição é http://www.PetitionOnline.com/bancatms/

4 comments:

Dulce Alves said...

Caro J. Alberto Vasco,

Eu, que "vivo" do meu cartão MB, muito visada serei caso esta ideia avance...
Mas a verdade é que essa taxa lá fora é usual... :(
Em Espanha, se um utente da rede MB faz uma operação numa caixa que não seja pertença do Banco onde detém a conta, paga essa mesmissíma taxa (se o valor é maior ou menor não sei precisar...)

José Alberto Vasco said...

Em minha casa também somos fiéis utilizadores do MB, para praticamente tudo, e a verdade é que caso se confirme esta notícia, se trata de um autêntico assalto, em nome do enriquecimento de uma banca que passa a vida a ir-nos aos bolsos, nomeadamente nos arredondamentos dos juros dos empréstimos. Também utilizo o MB nas minhas viagens de férias (dá mesmo muito jeito não andar de carteira às costas!) e recordo que mesmo em Espanha essas taxas não são tão abusivas...

Dulce Alves said...

Caro José Alberto,

referia-me às taxas cobradas pelos bancos espanhóis aos seus clientes, não às que nos são cobradas quando lá vamos...
Isto é, as ATM´s espanholas cobram taxas a quem faça operações numa máquina que não corresponda ao banco do qual é cliente.
Não sei se é esta a lógica que pretendem adoptar cá em Portugal, mas se for, "do mal o menos"... pior será se se lembrarem de taxar toda e qualquer operação sem olhar à 'propriedade' das máquinas... :S
Esperar para ver...

José Alberto Vasco said...

O problema é que quando nos servimos das MBs até estamos a poupar trabalho aos funcionários dos bancos, não é? E,pelos vistos, eles ainda se pretendem servir disso para nos cravar... É injusto, não é?